Pam Ribeiro - Bruxa Preta

Moradora da periferia de Osasco, região metropolitana de São Paulo. Terapeuta reikiana, taróloga, astróloga, bruxa Urbana e favelada. Autora do portal "A Bruxa Preta", onde escreve sobre espiritualidade, misticismo, e universo holístico numa perspectiva decolonial e subversiva.

Chegamos no signo em que nossos mistérios são ativados! Vem com tudo, escorpião.

Para começo de conversa, vamos pontuar aqui que a temporada libriana pegou no nosso pé e já podemos admitir que para um signo tão ~suave~ dentro do possível, foi uma das temporadas mais marcantes. Verdades sobre nossas relações com o outro, com nós mesmo vieram à tona e, para ser sincera com você, não é como se agora ficasse mais gostoso.

(Mas, pelo menos, não temos um mercúrio retrógrado, rs).

Quero começar falando da quadratura entre sol e saturno, sol que está agora em escorpião e saturno em aquário, ou seja, são dois signos fixos brigando pelo seu lugar no mundo.

E qual é o seu lugar no mundo? Toda a convencionalidade que lhe foi imposta e que te suprime ou o seu lugar no mundo é aquele que, digamos, pode ser até sombrio para alguns?

Sol em escorpião abre as portas para encararmos que talvez, as toxicidades são nossas maiores potências, e provavelmente, elas é que vão nos salvar nos tirando de lugares que antes pareciam muito confortáveis, mas apenas nos oprimem.

Escorpião é um signo frio, estratégico, observador, e por vezes, age na moita, mas age.

Daí que entramos num período em que não é só sobre olhar para aquilo que geralmente nos falam que é ruim, é olhar e encarar que algumas das versões que inventaram sobre nós, nem reais são. Apenas nos puxam para baixo, porque para quem está acima, às vezes é melhor te ter nessa posição, não na posição de quem levanta a cabeça e enfrenta.

Vamos lembrar que marte entra no signo de escorpião, então sim, ficamos também mais animadinhos porque marte está no seu domicílio, noturno, mas está. Vamos pensar que é um signo noturno e frio num planeta quente e seco. Babado! Mas, com jeitinho, a gente consegue equilibrar e ir para luta!

Só as atentas on! Afinal, embora a ação seja uma possibilidade e esteja favorável para ela, é um movimento cauteloso, está bem?

Para além do que já entendemos sobre esses pontos que nos são trazidos, temos netuno quadrando vênus, ou seja, as ilusões, idealizações devem ser deixadas para trás. Não estaremos em posição de ficar nutrindo o que mais parece história de contos de fadas, então, nesse período, nem sempre a história tem um “e ficaram juntos e felizes para sempre”. E nós entendemos isso!

É importante pensar, que por mais que estejamos realistas quanto aos nossos afetos, nós também temos a melhor compreensão do que realmente faz sentido compartilhar com aqueles que estão à nossa volta.

Pé no chão, galera! E ah! Cuidado com os gastos, viu? Não vai comprando tudo que passar pela frente para depois acabar se arrependendo.

Tipo aquele curso que você tá muito afim, aí acaba comprando e percebendo que nem era tudo isso.

Em 5 de outubro, a vênus estará em capricórnio, sendo assim, a gente não está buscando relações por relações, e nem, gastos por gastos. Nós queremos fechar negócio!

Teremos um eclipse no signo de touro no dia 19 de novembro, aí o bagulho pode ficar louco para alguns de nós, principalmente porque touro diz muito sobre nossas estruturas. Que estruturas são essas? Quais são os nossos valores? E como temos construído os mesmos? Em bases sólidas? Espero que sim! Além do mais, touro é signo oposto de escorpião.

Sendo assim, o papo é profundo e com uma pitadinha de entendimento sobre o que de fato é ter poder pessoal.

Preparados e preparadas? Vamo que vamo!


Para o Nós seguir produzindo conteúdo independente e de qualidade, precisamos da sua ajuda. Acesse nossa campanha de financiamento no Catarse e veja como contribuir a partir de R$ 10.

Temas: