No 33º do podcast Conversa de Portão, a jornalista Mayara Penina conversou com Maura Oliveira, Lucineide Santos e Érica Xavier, três mulheres que viveram a gestação, parto e agora cuidam de seus bebês durante a pandemia de Covid-19. Medo de contaminação e solidão são alguns dos sentimentos que compartilharam durante o papo. Ao mesmo tempo, contaram sobre a grandeza de gerar vidas no meio de tantas mortes.

“Liberaram que entrasse com celular, para que eu tivesse contato com a família, mas por muito pouco. Eu tive muito medo da solidão, de parir sozinha”, disse Lucineide Santos, produtora cultural, moradora de São Félix (BA).

Já a dona de casa Maura Oliveira contou sobre sua experiência com os filhos gêmeos recém-nascidos na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Campo Limpo, em São Paulo (SP): “Meus filhos ficaram na UTI. Eu ia visitá-los de ônibus, às vezes, muito lotado. Eu tinha medo de pegar Covid-19 e ficar proibida de ver meus filhos na UTI”.

As preocupações e cuidados seguem também após a licença maternidade, como conta a assistente social Érica Xavier, de São Paulo (SP). “Agora minha preocupação é a volta ao trabalho. Minha filha vai ficar com meus pais, tenho medo de contaminação, de alguém passar para a bebê”, diz.

Ouça o episódio:

O Nós, mulheres da periferia está com uma campanha de financiamento recorrente no Catarse. Apoie o jornalismo independente feito por mulheres, apoie o Nós. Acesse catarse.me/nosmulheresdaperiferia para nos apoiar.

O Conversa de Portão é um podcast produzido pelo Nós, mulheres da periferia em parceria com UOL Plural, publicamos novos episódios toda terça-feira. Com produção de Carol Moreno, direção musical de Sabrina Teixeira Novaes, trilha sonora e edição de som por Sabrina e Camila Borges.

 

Temas: