Nesta quinta-feira, 11 de maio, às 18h, acontece mais uma edição do Cine Juventude da Fundação Julita, localizada no Jardim São Luís, extremo sul de São Paulo. O evento mensal é aberto ao público e inclui a exibição de um filme e uma roda de conversa sobre os temas apresentados.
Na edição desse mês será exibido o documentário ‘Imagem Mulher’, do Coletivo Cavalo Marinho Audiovisual, que apresenta a hipótese de que a idealização da mulher na mídia contribui para a violência contra a mulher.

Fundação Julita fica no Jardim São Luís, zona sul de São Paulo (Créditos: Divulgação/Facebook)

Fundação Julita fica no Jardim São Luís, zona sul de São Paulo (Créditos: Divulgação/Facebook)


Para a roda de conversa estarão presentes integrantes do Coletivo Cavalo Marinho e Celinha, representante do Centro de Defesa e Convivência da Mulher – Mulheres Vivas.
Além disso, no espaço estará a exposição “Corpos das Penhas”, realizada pelo Centro de Defesa e Convivência da Mulher –Casa Sofia em vários lugares do país. Os “Corpos das Penhas” são dezesseis corpos em madeira lembrando os “16 Dias de Ativismo”, que no Brasil começa no dia 20 de novembro, dia da Consciência Negra e vai até o dia “10 de dezembro”, dia Internacional dos Direitos Humanos. A mostra tem o objetivo chamar a atenção da sociedade para a violência doméstica e familiar contra as mulheres. Os corpos têm nomes de mulheres assassinadas; bem como número de filhos, região de execução, idade, tipo de arma e motivo da morte, todos os dados são reais.
Cine Juventude – Fundação Julita
Data: 11 de maio de 2017.
Horário: 18h.
Local: Fundação Julita – Rua Nova do Tuparoquera, 249 – Jardim São Luís – São Paulo.