Se você está procurando um rolê para o fim de semana,  fizemos uma seleção de atividades culturais online, para curtir cinema e teatro em casa, e tem também a oportunidade de conhecer uma exposição que incentiva a solidariedade.

Confira!

Mostra Competitiva de Cinema Negro Adélia Sampaio

Organizada por equipe formada na Universidade de Brasília (UnB).

Crédito: divulgação

A partir de domingo, dia 17, até o dia 23 de outubro, acontece em versão online a IV Mostra Competitiva de Cinema Negro Adélia Sampaio, organizada por equipe formada na Universidade de Brasília (UnB), que tem objetivo dar visibilidade e difundir a produção audiovisual de mulheres negras.

Fazendo homenagem à cineasta Adélia Sampaio – primeira mulher negra a lançar um longa metragem no Brasil – o evento fomenta o trabalho de diferentes profissionais negras do audiovisual com a exibição e premiação de seus trabalhos.

No domingo (17), às 17h, será realizada uma live de apresentação da Mostra com participação de Mãe Baiana, Edileuza Penha de Souza, Adélia Sampaio e integrantes da APAN (Associação dos Profissionais do Audiovisual Negro) e TodesPlay.  Na sequência terá início às exibições de filmes em sessões temáticas.

O evento conta, ainda, com oficinas e debates ao longo da semana. No encerramento, dia 23, serão anunciados os filmes premiados. As transmissões acontecem pelo Facebook da Mostra e os filmes ficam disponíveis na Todesplay. 

Dona Ruth – Festival de Teatro Negro de São Paulo

Elisa Lucinda em “Eu, Ruth”.

Crédito: divulgação

Entre 20 e 31 de outubro rola a 3ª edição do Dona Ruth – Festival de Teatro Negro de São Paulo, rendendo homenagem a outra ancestral que é ícone e referência no teatro, cinema e televisão – a atriz Ruth de Souza (1921-2019).

O primeiro festival dedicado aos teatros negros de São Paulo reúne público, artistas, grupos, coletivos e companhias que se reafirmam a partir da arte negra enquanto experiência artística, mobilização política e exercício de cidadania.

No centenário de Ruth de Souza, o encontro propõe conversas e atos artísticos sobre sua trajetória e importância, como o monólogo “Eu, Ruth de Souza” da atriz e poeta Elisa Lucinda .

O festival conta com apresentações online, que acontecem no Youtube e Plataforma Zoom, e também acontecerão apresentações presenciais nos teatros Cacilda Becker e João Caetano, na capital paulista. Todas as informações para acesso e ingresso estão disponíveis no site oficial do evento.

Exposição PRATODOS

Na Ocupação Cultural Mateus Santos, zona leste de São Paulo (SP), é possível visitar até dezembro a Exposição Pratodos que reúne o trabalho de 40 artistas visuais que utilizaram pratos como suporte para produzirem suas obras.

Ao longo da exposição, os pratos serão vendidos e o valor será destinado a ações com pessoas em alta vulnerabilidade e para a cozinha comunitária do bairro. Vale a visita e a colaboração!

…bônus

FLINO – Feira Literária Noroeste

Aryany Marciano participou da ultima edição.

Crédito: divulgação

Estão abertas até 23 de outubro as inscrições para participar da FLINO – Feira Literária Noroeste, de São Paulo (SP). A segunda edição do evento, organizada pelo movimento cultural da região, traz o tema “CHÃO: sob o que penso, piso e sou”.

Pessoas que atuam com literatura, desde escrita, oficina, edição, apresentações, podem se inscrever para compor a programação do evento que acontecerá entre novembro e dezembro. Os interessados podem fazer a inscrição pelo formulário.

Leia também

O show tem que continuar: artistas periféricas diante da pandemia de COVID-19


Para o Nós seguir produzindo conteúdo independente e de qualidade, precisamos da sua ajuda. Acesse nossa campanha de financiamento no Catarse e veja como contribuir a partir de R$ 10.

Temas:

Sobre a autora:

Lívia Lima

Jornalista, mestre em Estudos Culturais e moradora de Artur Alvim, zona leste de São Paulo.