No último domingo, 29 de novembro, a cidade de São Paulo viveu o segundo turno das eleições municipais de 2020. Bruno Covas (PSDB) foi reeleito para a prefeitura com 59,38% dos votos válidos contra 40,62% de Guilherme Boulos (PSOL).

Embora a posição de prefeito não tenha sofrido alterações, no legislativo aconteceram mudanças importantes. A partir de 2021, 13 das 55 cadeiras da Câmera Municipal serão ocupadas por mulheres. Pelo menos quatro delas são mulheres negras.

O Nós, mulheres da periferia conversou com três mulheres que se dedicaram à corrida eleitoral em diferentes frentes: apoiando candidaturas ou disputando cargos políticos. Com foco na cidade de São Paulo, a ideia è analisar quais foram os avanços e no que precisamos focar nos próximos anos.

# Esta reportagem faz parte do #NoCentroDaPauta, uma realização das iniciativas de comunicação Alma Preta, Desenrola e Não Me Enrola, Embarque no Direito, Nós Mulheres da Periferia, Periferia em Movimento e TV Grajaú com patrocínio da Fundação Tide Setubal.


Temas: